O comitê de Psicanálise de Crianças da Sociedade de Psicologia, se propõe a estudar este ano, o caso do pequeno Hans que é uns dos historiais clínicos mais conhecidos escritos por Freud em 1909 e refere-se ao relato da fobia de um menino de 5 anos.
 

O caso trouxe muitas contribuições à Psicanálise, tornando-se exemplar ao descrever a origem e o desenvolvimento de uma neurose e oferecer um panorama dos principais aspectos de desenvolvimento psicossexual das crianças. Além disso, a especificidade da fobia articula noções centrais da teoria freudiana: a sexualidade infantil, o complexo de Édipo e o complexo de castração.  

A partir da leitura do caso diretamente nas obras completas de Sigmund Freud e em outros textos atuais acerca do mesmo, trabalharemos conceitos importantes da Psicanálise e da Psicanálise de Crianças.

Coordenadora: Renata Aspar Lima

Integrantes:

. Clarice da Silva Pereira
. Laura Fröhlich
. Pâmela Soares Bratkowski