Mural SPRGS - SPRGS

Ir para o conteúdo

Neurose(s): Histérica e Obsessiva

SPRGS
Publicado por em Fala Comitê · 13 Julho 2020
Fala Comitê
Comitê de Psicanálise no Litoral
Neurose(s): Histérica e Obsessiva.

Partindo do texto de Freud “As Neuropsicoses de defesa (1894)”, podemos dizer que nas neuroses, o Eu e o Id  estão em constante conflito, a fim de dar conta das exigências da realidade.

Neste conflito, o sujeito se afasta daquilo que lhe incomoda, daquele fragmento do real que vai para o inconsciente, e com a falha do recalcamento retorna como sintoma.

No entanto, o destino da representação deste conflito se dará diferente em cada estrutura: na histeria, o sujeito converte o afeto no seu corpo através de dores, paralisias, etc; já no sujeito obsessivo o afeto está desassociado da ideia, e o obsessivo converterá em pensamentos, atos e rituais... Porém, o neurótico continua vivendo sua vida normal sem negar a realidade, afastando a ideia que o incomoda.

Na clínica psicanalítica, os sintomas do sujeito neurótico são escutados como a verdade do sujeito, cujo tratamento não busca sua eliminação, mas sim possibilitar a produção de um saber sobre ele.

Vitoria Justin

Comitê de Psicanálise no Litoral
Coordenação Elisangela Muria
Encontros segundas-feiras, das 10h30 às 12h



Sprgs
Rua Felipe Neri, 414 conj 202 Auxiliadora
90440-150 Porto Alegre RS

51. 3331-8586
51. 99527.3920

Sociedade de Psicologia do Rio Grande do Sul
Voltar para o conteúdo